Como conseguir investimentos para sua carreira? A Investidora Camila Farani do Shark Tank Brasil responde.

July 17, 2017

 

Muitos DJs, produtores e artistas já passaram por essa situação e muitos mais ainda vão passar. Chega um momento nas carreiras destes profissionais em que um maior investimento financeiro é extremamente necessário, seja para bancar um clipe profissional, uma tour, a gravação de um álbum, uma mudança de identidade visual etc.

No entanto, a realidade é que, para realizar toda essa ação com o objetivo de se posicionar de uma melhor forma no mercado da música, ganhar relevância e virar referência, o investimento necessário é bem alto, e muitas vezes o artista, produtor, DJ não possui sozinho o capital necessário para alavancar sua carreira.

Esse, muitas vezes, é o ponto decisivo de muitas carreiras, onde alguns começam a crescer de forma mais expressiva com ajuda de investimentos próprios ou de terceiros, ou ficam com suas carreiras estagnadas e por consequência acabam caindo em esquecimento.

É inevitável, em algum momento é necessário tomar a decisão de investir e alavancar sua carreira, caso seu desejo seja tornar-se um grande nome do universo da música. Então a grande questão que atinge muitos profissionais no ramo musical é, se eu não tiver recursos próprios suficientes para investir, como atrair um possível investidor para alavancar minha carreira?

Na última quinta-feira (06\07\17) tive um bate papo com Camila Farani no Caffè Farani durante um evento íntimo de lançamento da nova temporada de Shark Tank Brasil. Nesta conversa, a investidora e empreendedora me deu insights valiosos a respeito do que um artista deveria apresentar para atrair possíveis investimentos.

Além de liderar diversos projetos inovadores voltados para a tecnologia, alimentação e empreendedorismo feminino, Camila Farani é um dos principais nomes do investimento-anjo no Brasil. Atualmente, é presidente da Gávea Angels, um dos grupos brasileiros pioneiros de investidores-anjo que conta com mais de 50 investidores. A investidora é hoje uma das participantes do aclamado programa da Sony Shark Tank Brasil, onde ela, Robinson Shiba (Chinva in Box\Gendai), João Appolinário (Polishop), Cris Arcangeli (Empresária) e Caito Maia (Chilli Beans) investem grandes quantias em empreendimentos promissores.

Durante a conversa, fizemos a seguinte pergunta “Camila, como uma investidora experiente, que tipo de indícios você buscaria em um músico caso tivesse a oportunidade de investir nele”? 

Ela não hesitou e respondeu com clareza. Além de uma boa música, eu buscaria entender se esse artista tem uma visão de longo prazo e uma estratégia de crescimento, ou seja, não é alguém que está entrando no mundo da música contando com a sorte e meramente tem vontade de ficar famoso. É preciso que este artista se comporte de maneira profissional, tenha objetivos e metas claras e bem estruturadas, tenha um plano de ação e entenda de seu mercado. Acredito ser importante também que o Dj, músico ou produtor tenha uma visão dialética entre o hoje e o futuro, ou seja, tenha sensibilidade para entender o presente momento, mas também consiga enxergar os movimentos e tendências do mercado para poder se projetar, adaptar e se posicionar da melhor maneira possível.

Outro ponto que acredito ser fundamental seria entender o “porque” do investimento, se eu não souber com clareza qual será o destino do dinheiro e como terei retorno deste investimento, não faz sentido o investidor arriscar seu capital. Investimento não é uma aposta às cegas, é estratégico e precisa de uma estrutura bem fundamentada para que sejam colhidos os melhores frutos desse aporte financeiro.

Um terceiro ponto a se prestar atenção diz respeito ao próprio artista em si. No investimento-anjo usamos muito a expressão que “nós investimos no Jockey, não no cavalo”, ou seja, é preciso analisar a frio se o próprio artista possui as características de um empreendedor, aquele que vai atrás e busca fazer as coisas acontecerem, busca refinar e aprimorar tanto suas habilidades como seu produto e tem aquela motivação que não vai deixa-lo desistir quando enfrenta obstáculos.

Levando em consideração esses aspectos apresentados pela empreendedora e investidora, observamos a importância de ter um plano de carreira bem elaborado, ter metas e objetivos bem desenhados e bem fundamentado visando o maior retorno tanto do dinheiro quanto do tempo investido em sua carreira. Ter uma visão do mercado, seus movimentos e tendências para poder se adaptar, inovar e, futuramente, ditar as tendências. É preciso que a carreira do artista seja estruturada de forma inteligente e eficiente para que seu crescimento não seja acidental, mas sim constante e sustentável, fruto de resultados reais. Não se pode contar com a sorte, mas sim com a estratégia, há de ser um profissional.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

RECENT POST
Please reload