Hora de produzir !

O que faz de uma música um possível Hit? diferenças de mercados e fãs !

Na indústria da música, um Hit é uma construção, fãs + música. Mas eu diria ainda mais, um Hit é a música certa para determinado público. Isso explica porque muitos artistas eletrônicos tem buscado influências Pop, porque o fã Pop além de jovem, é o mais engajado quanto a shows, venda de música e mídias sociais. E o mais importante é que eles têm resposta imediata, o que para uma carreira é vital, uma base de fãs presente.

Mas o cenário, inclusive da própria música eletrônica, tem se difundido e mesclado com outros gêneros como o Hiphop, Rap, Reggae, Reggaeton entre outros, atingindo um público ainda maior. Na parte da produção, por experiência própria, a difusão de ritmos só tem a acrescentar. Sei que não é todo artista que circula em mais de uma vertente, mas trabalhar com produtores Italianos, Suecos, Americanos (Nova York, Atlanta e Georgia) me ajudou a ver a minha versatilidade nos estilos musicais e entender diferentes mercados.

Outra coisa que é vital para abranger o maior numero de fãs e tornar suas músicas possíveis Hits, é a letra. Sim, a música tem que falar com quem esta ouvindo, o compositor tem que prestar atenção nisso. Certa vez, trabalhando com um Produtor Letrista da Georgia - EUA, que escreve músicas para grandes artistas americanos, tivemos que rescrever toda a música, pois pela idade a letra dele não falava com o público jovem do artista que ele queria vender. Conversando com gravadoras no Brasil, na parte de edição musical, também foi falado nesse assunto. Não adianta ser um letrista ou compositor renomado, mais velho, e compor para um público jovem. A música fica datada com formas de falar e gírias antigas.

O que explica porque naturalmente o mercado vem trazendo uma grande parte de produtores e compositores jovens para trabalhar com os artistas atuais, produzindo músicas cada vez mais dentro da realidade dos fãs. Trabalhando com produtores de Rap e Hiphop no Brooklyn (New York) produzimos em dois dias mais de 18 músicas variando para boate e rádio. O que eu achei mais interessante, foi ver a diferença do tipo de música para o tipo de público. Quando o gênero era o mesmo a música para os EUA era totalmente diferente da música para Europa (Latina) e que era totalmente diferente da Música para Europa (U.K). Já aqui no Brasil, temos uma influencia mais próxima a dos EUA mas o estilo de vida difere, por isso, não adianta investir em letras traduzidas, elas não serão compreendidas da mesma maneira.

Para todo artista que quer ser internacional, uma coisa que é estritamente necessária é estar dentro da cultura dos lugares no qual quer atingir, para que suas músicas estejam dentro da realidade desses fãs. Trazer uma referência cultural brasileira está no artista e não necessariamente em cada música produzida. Lembrando que o cenário de destaque atual da música internacional é composto por artista de diversas nacionalidades como : EUA, Barbados, Suecia, Holanda, U.K, Canadá, Colombia entre outros. Não tem jeito, tudo mudou, é preciso mais do que nunca estar atento as novas tendências e mudanças, se você quer crescer no mercado da música hoje me dia. Um Hit vai garantir ao artista investimento para sua carreira, participações com outros grandes nomes do cenário, estúdios mais bem equipados… Enfim, fará com que sua carreira decole com mais facilidade.

RECENT POST